Categorias
Uncategorized

Seja você mesma a mulher que costuma admirar!

O que estamos esperando para nos tornar protagonistas da própria vida?

Enxergue-se como importante da mesma maneira que enxerga outras mulheres. Coloque-se em primeiro lugar no pódio da sua vida!
Constantemente somos bombardeadas com conceitos que nos atrasam. Fomos criadas para permanecer como “bonequinhas”, aceitando tudo o que nos falam. A sociedade dita as regras para as mulheres. Aquelas que saem dessa caixa são as mais atacadas. Ensinaram para nós que uma mulher que se respeita não fala alto, não se impõe, apenas abaixa a cabeça.

Mas estamos diante de vários exemplos de mulheres fantásticas, que ergueram a voz e mesmo com os ataques à sua honra, seguiram em frente. Esse tipo de mulher que admiramos precisa fazer parte da nossa personalidade.

Não é para ser mal-educada ou grosseira, mas não estamos mais em tempos de ouvir tudo caladas, principalmente quando diz respeito a nós mesmas. Passar uma vida cabisbaixa só beneficia os outros. Enquanto isso, continuam vivendo em seu pleno contentamento, à custa de sua felicidade.

Quando admiramos mulheres fortes, decididas, empoderadas, colocamos todas essas características em nosso coração. O que estamos esperando para nos tornar protagonistas da própria vida? O reconhecimento de uma mulher sábia e poderosa inicia-se dentro de si. Quem espera ser feliz diante da afirmação alheia vai continuar dando murro em ponta de faca.

Alimente-se da força de quem você admira! Quantas vezes nos sujeitamos a situações desagradáveis por medo de contrariar?  Não é magnífico ver uma de nós tendo voz ativa e se impondo? Nossa vontade precisa ser respeitada e, para que isso aconteça, temos de deixar o medo de lado. Mulheres icônicas fizeram isso, deixaram o medo e viraram exemplos.

Não precisa ser exemplo apenas de figuras públicas, pode ser nossa mãe, uma tia, uma conhecida. O valor de uma mulher admirável é passado rapidamente. Não é necessário ser hostil, mas se estiver num ambiente que a esteja aprisionando, seja uma leoa.

Admire a força de uma mãe solo, sem julgamentos. Enalteça uma mulher recém-separada, que conseguiu se livrar de um relacionamento tóxico. Afeiçoe-se àquela que constantemente é julgada pela sociedade por não estar dentro do padrão aceitável de “boa moça”. Respeite apenas pelo fato de ser outra mulher. Toda vez que exercer esses comandos, colocará dentro de si sentimentos bons, garra e dedicação para se impulsionar.

Problemas serão resolvidos de forma mais rápida quando enxergamos em nós mesmas a determinação que percebemos nas outras. Nascer mulher é um ato de coragem. Use isso para viver da melhor forma possível! Seja firme e mostre ao mundo que a pessoa que rege a sua vida é você mesma!

Fonte – https://oamor.com.br

Foto: Mauricio Leite – https://www.facebook.com/mauricio.ldsantos